quinta-feira, 31 de maio de 2012

Roma e suas paredes. Roma e suas janelas






                                       




Roma e suas paredes. Roma e suas janelas. Abertas, pensativas. Ousadas portas escondem vitrines, e a arte acende em todas as brechas colunas rosadas. Montes de caos. Passantes. Multiplicidades. A moda exposta em molduras em frente à Piazza d'Espagne/ Piazza di Spagna/ Praça da Espanha (a preferida de minha mãe), assim como nos corpos dos passantes provocam murmúrios e exclamações.
Seguro o momento final no clique da máquina?

sábado, 26 de maio de 2012

Fragmentos. Museu em Berlim (verão de 2011)






                                       
                                         O fragmento compreende um inacabado essencial. 
                                        Carrega seu inacabamento. 
                                        Buscamos ali uma forma aberta de pensar o poético?
                                        A sutileza do fragmento, sua ironia, capta algo do vazio.

sexta-feira, 25 de maio de 2012

Poema "Cavalos" (variações)

Cavalgam a terra
de pedra e cascalho
os habitantes do Castelo
de outrora
Grandes e diferentes
apenas no nome
os cavalos do senhor K
não não são estranhos
Do lado de fora do quarto
estava frio
A neve na janela
perambulava
Qualquer pincenê
podia tapar-lhe os olhos
as narinas respiravam
com dificuldade
Olga um pouco de lado
lembrava uma pintura
renascentista
mas aquela mulher podia ser outra qualquer
Aliás agora qualquer riso
é supérfluo
Ruídos de sono acordam a memória
Pela fresta
procuro respirar o século que passa
(eles não mais trotam!)


Do livro Leblon, voz e chão  (2004)

domingo, 13 de maio de 2012

Outono no final do Leblon



Revue Action Poétique (último número)




[anthologie permanente] revue "Action Poétique" & Emmanuel Hocquard - Poezibao

A revista Action Poétique em seu último número deve ser comemorada. Circulou e publicou poetas de muitas línguas durante mais de 60 anos. Está muito bonita nesta edição especial, e contêm uma longa entrevista com Henri Deluy que recupera os passos da caminhada, ao longo dos anos, com comentários sobre muitos colaboradores e editores que participaram do trabalho a frente das publicações.Cito alguns fragmentos:
"- Gérald Neveu, qui parlait peu, qui n'avait aucune forme d'autoritarisme et de légitimité, donne un sens premier à la création  d'AP. (...) C'était dans l'immédiat après guerre, dans un climat de "surréalisme révolutionnaire" qui était le nôtre." (...) Muitas reflexões e comentários sobre o início da revista dão a dimensão de sua importância até hoje.
"Une génération de fondateurs" com Gérald Neveu, Jean Malrieu, o próprio Deluy e ainda Nicole Cartier-Bresson. Depois, muitas outras gerações e muitos temas distintos alimentaram estas publicações:
(...) "Autour de 68, autre génération, avec Maria Étienne, Maurice Regnaut, Pierre Lartigue, Yves Boudier, Claude Adelen, Élizabeth Roudinesco, Mitsou Ronat, Martine Broda, Marc Petit, Jean-Pierre Balpe, Gil Jouanard.
Autour de 1980, autre génération, avec Emmanuel Hocquard, Olivier Cadiot, Liliane Giraudon, Jean-Charles Depaule.
(...) De 2000 à 2010, Isabelle Garron, Jérôme Game, Florence Bazzottu, Pascale Petit, Véronique Pittolo, Éric Suchère, Jérôme Mauche..."
A revista nos brinda com desenhos, inúmeros poemas, um CD, e um texto de Élizabeth Roudinesco que relata alguns momentos da história da revista (agradecendo a sua circulação!). Ela afirma, cito:
"Je suis un peu triste de célébrer la fin de la publication d'Action poétique. J'y fait paraître mon premier article et bien d'autres encore, et les dix années durant les quelles, aux cotés d'Henri, je me trouvais en première ligne pour la fabrication  de la revue ont sans doute été les plus importantes pour ce que j'ai écrit par la suite."

quarta-feira, 2 de maio de 2012

Na Feira do livro do Instituto de Letras da UFF (mesa com autores e tradutores)

   


                                           No dia 9 de maio às 10.00h. mesa de autores e tradutores:
Johannes Kretschmer, Paula Glenadel, Raphael Salomão Khede, Susana Kampff Lages,  Talita de Assis Barreto e Solange Rebuzzi