Somos a favor do porte de livros!
Somos a favor da economia verde!
E vamos dar voz aos nossos índios!

quinta-feira, 4 de julho de 2013

Hannah Arendt de Margarethe Von Trotta

Um belo filme que nos convida a pensar. A atriz encarna Hannah nos detalhes (momentos de silencio e reflexão com a fumaça do cigarro exalando seu odor).
O artigo de Arendt no qual ela desperta o leitor para uma nova leitura da humanidade abarcando a noção do mal- A banalidade do mal - esta destacado no enredo.
Adorei!
Nos tempos de agora, mais ainda, precisamos deste cinema.
A sala 2 do Cinemas St. André-des-Arts , um cinema independente, nao estava cheia. Localizado no coração do Quartier Latin desvendou realizadores se tornando uma instituição cultural.
Voila!

Nenhum comentário:

Postar um comentário