Somos a favor do porte de livros!
Somos a favor da economia verde!
E vamos dar voz aos nossos índios!

quinta-feira, 31 de outubro de 2013

Envelhecer (poema novo)

Envelhecer
(poema novo)

Envelhecemos e
assim como as flores miúdas dos riachos
aguardamos o sol do dia seguinte?
Brilha a lareira-memória fragmentos
onde se misturam retratos tons de sépia na estante.

Envelhecemos e
no repente da vida
violas sopram azuis e tons de lilás
nas sobras dos céus em dias de chuva
que colaboram com a velhice.

Assustados. Ensimesmados.
Entusiasmados também.
Às vezes encurralados
acordamos no dia que mostra o mundo
pleno de manchetes ensanguentadas.






Nenhum comentário:

Postar um comentário