domingo, 26 de julho de 2015

Pela janela do avião (fotografias)





                                          Em voo Florianópolis - Rio
                                          Fotos de José Eduardo Barros  

sábado, 25 de julho de 2015

Poema: Janela entreaberta



Em suas mãos caminham as flores diante de olhares admirados.
Encontram no vaso da sala a harmonia da água que palpita.
Refletida na janela a mulher respira os pingos de chuva misturados no cenário.
Na limpeza das plantas as mãos ganham velocidade.
São as violetas que menos reclamam.
Bebem o calor que o vidro traça e amplia.
A luz da tarde em silêncio participa do poema.




Rio de Janeiro, 25 de julho de 2015.


domingo, 19 de julho de 2015

Poema

Para Freud

Dai a Freud o que lhe pertence:
As construções escritas
Sobre a alma humana
Que as histéricas sublinham;
Um caminho ousado.
Nos sonhos pedaços
De inconsciente;
Isso que toca o mistério do invisível
Sem dizer.
Dai a Freud um lugar.
E não só como escritor e psicanalista.
Dai a Freud o mais merecido:
A grandeza de uma vida
Voltada totalmente à procura
Da cura do sofrimento humano,

Através da escuta da alma. 

quinta-feira, 16 de julho de 2015

Poema de inverno

Cruz no céu



Não faz frio nem calor.
O ar está parado.

Leio atenta.
Escrevo raramente.

Penso muito.
Caminho a pé pelo bairro.

O tênis do pé esquerdo 
reclama. Desliza.

Muitos buracos.
As passadas cada vez mais curtas.

Não faz frio.
O inverno é carioca.

No próximo sábado a lua acenderá
no início da noite.

Dizem os astrônomos:
uma cruz se desenhará no céu.



                 Lua  
       Júpiter  estrela Regulus.
               Vênus



                                  Rio de Janeiro, 16/07/2015.

segunda-feira, 6 de julho de 2015

Caderno de viagem, 2005


                                         Você sabe o que é o Palais de Tokyo?
                                          Quando for à Paris vá conhecê-lo.
                                          (De lá você tem uma linda vista da Torre Eiffel!)

domingo, 5 de julho de 2015

Caderno de viagem - Sicília, 2013

                                             
                                         


Em dois momentos: texto e imagem e vice-versa.