terça-feira, 8 de setembro de 2015


Escrevo:

Às 11 horas da manhã o céu é branco e não chove.
Um ar frio atravessa meu olhar
que insiste em escutar muito ao redor
as tantas línguas e os movimentos.
Quase todos os europeus e mais ainda os americanos sentem medo diante de um estrangeiro.
Confirmo. Há um clima de desconfiança em Paris!

Escutei:
1. de um motorista de taxi oriental: "todos temem os estrangeiros."
2. de um espanhol dentro do Monoprix: "todos temem os árabes".
3. de uma americana no café da manhã do hotel em Amboise: "que língua falam? Tenho medo."
4. de um americano no hotel de Paris: "não entendo o que dizem e estou espantado. Que língua falam?"



Ontem, ao redor da Catedral, três policiais desfilavam suas metralhadores em punho
...

(ainda,
o querido poeta Denis Roche morreu.
Será enterrado hoje).
Os sinos tocam...


Paris, 8 de setembro de 2015.


http://dangerecole.blogspot.com.br/

Desenho de Jack.

Nenhum comentário:

Postar um comentário