segunda-feira, 3 de julho de 2017

insano mundo insano


a rosa não mais interessa
a prosa do mundo enlouqueceu
os homens saíram do sério
e pariram o trágico sem o riso

qualquer lugar é lugar
para desmontar o pensamento
irrequietos os homens
não conseguem mais se olhar

ainda a guerra disfarçada
faz das fronteiras
um descaminho e do mar
um cemitério de náufragos

a paz está calcada no porvir
as palavras precisam retornar
aos cérebros dos humanos
indefesos e covardes

a rosa é o que interessa
a prosa pode ser séria
o riso é um caminho

insano mundo
mundo insano
insano mundo insano

onde estão as almas
onde estão os homens
as mulheres e as crianças

que fazem verdejar o planeta 
e brotar a consciência
do novo?


Agora, 3.07.2017

Nenhum comentário:

Postar um comentário